ÚLTIMAS NOTÍCIAS

29 de março de 2015

Grandes Apostas e Lançamentos de Livros de Horror 2015

   No Brasil lançar livro de horror não é fácil, é um mercado bastante restrito, a demora e o custo que envolve a tradução e toda a campanha de marketing na divulgação de um novo nome no gênero muitas vezes faz com que as editoras deixem de publicar grandes nomes da literatura de horror por aqui. É o caso de nomes como Jack Ketchum, Joe R. Landsdale, Robert McCammon e até alguns famosos que jazem esquecidos como Clive Barker e Peter Straub. Porém às vezes também há apostas que recebem publicações e boa aceitação dos leitores, como por exemplo Um rio Muito Frio de Michael Koryta, Os Três de Sarah Lotz, AMenina que tinha Dons de M. R. Carey e o recente Caixa de Pássaros de Josh Malerman. As grandes apostas mesmo são os nomes já conhecidos, mesmo que as publicações saiam com atraso com relação ao lançamento original, como Dean Koontz, Stephen King e Joe Hill. Esse ano vários lançamentos interessantes estão chegando, fiz uma lista com as minhas maiores apostas, fica a torcida para que ganhem edições nacionais.


The Baazar of Bad Dreams de Stephen King (03/09/2015)
   Pouco foi revelado sobre a nova coleção de contos de Stephen King, The Baazar of Bad Dreams, sabe-se que conterá vinte contos, divididos entre publicações em revistas e textos inéditos, cada história contará com uma introdução de como foi o processo criativo e o desenvolvimento da trama. Aqui no Brasil está prevista para esse ano a publicação de quatro livros inéditos do autor, Escuridão Total sem Estrelas e Sobre a Escrita em abril, Joyland em agosto e Revival em novembro.

The Deep de Nick Cutter (13/01/2015)
   Nick Cutter é um dos novos autores de horror mais elogiados desta década, ano passado fez sucesso com o lançamento de The Trooper, uma mistura de Senhor das Moscas com As Ruínas que recebeu grandes elogios do autor deste último. Stephen King também elogiou o livro dizendo que a história o assustou e é uma autêntica representante da velha escola do horror. Em The Trooper um grupo de escoteiros para aprimorar suas técnicas de sobrevivência decide passar um final de semana em uma ilha deserta, o que não sabiam é que essa experiência seria consumida pelo horror quando um estranho desesperado aparece em busca de ajuda. Com as roupas esfarrapadas e tez abatida ele está infectado com uma estranha e altamente contagiosa doença. Mas é claro que ninguém sabe disso. Até as mortes começarem...
   The Deep é ainda mais sombrio, na história uma estranha praga está dizimando a humanidade em escala global. A maneira como ataca é bastante interessante, no seu estágio inicial as pessoas começam a esquecer de pequenas coisas, como as chaves de casa ou a carteira, então a doença progride e coisas mais importantes como o alfabeto e a dirigir são apagadas da memória. Em seguida seu corpo esquece-se de como funciona, seu coração não sabe mais bombear sangue e o processo respiratório é algo estranho ao pulmão... Não há cura... Mas há uma substância, que pode ser encontrada nas profundezas da Fossa das Marianas, que parece ser a cura universal para um monte de doenças, os estudos são preliminares, porém pode ser que seja uma esperança, a urgência de resultados faz com que uma expedição seja organizada para pesquisa. O que não sabem é que há um mal muito pior escondido nas profundezas.

Saint Odd de Dean Koontz (10/01/2015)
  Odd Thomas é um dos protagonistas mais carismáticos de Dean Koontz, Saint Odd é o sétimo livro e a conclusão da saga do cozinheiro que consegue ver fantasmas. No Brasil foram publicados os seguintes livros da série: Odd Thomas, Odd Para Sempre, Irmão Odd e As Horas de Odd, sendo o último publicado em 2013, será que a Editora Record decidiu abandonar a série? O último lançamento do autor, ano passado foi Seu Coração me Pertence.

The Fireman de Joe Hill (?/12/2015)
   O novo trabalho de Joe Hill, The Fireman, também possui poucos detalhes revelados. Em uma de suas últimas entrevistas ele disse que está trabalhando na trama e que não havia muito sobre o que falar, a não que a trama é algo entre Hell House de Richard Matheson e Enigma de Andrômeda de Michael Crichton.

Day Four de Sarah Lotz (21/05/2015)
  Uma continuação não direta do sombrio Os Três, Day Four trará luz aos acontecimentos de seu antecessor. Na história um navio sai para um cruzeiro de cinco dias no Golfo do México após quatro dias todo o maquinário pára de funcionar misteriosamente, deixando-os à deriva em pleno mar aberto. Nada eletrônico funciona incluindo celulares de modo que a tripulação não consegue nenhum contato em busca de ajuda. Os tripulantes não entram em pânico de início, a equipe de resgate não pode demorar em encontrá-los. Mas quando a comida ameaça a se esgotar os ânimos começam a se alterar. A gota d'água é um corpo de uma mulher que aparece em seu camarote. Algo está matando as pessoas no navio. Algo com ligações com a queda dos aviões. Como era mesmo a mensagem deixada por uma das vítimas? "Eles estão aqui".

The Scarlet Gospels de Clive Barker (19/05/2015)
   Após anos se dedicando a fantasia Clive Barker novamente retornará para o horror gore que o consagrou, The Scarlet Gospels contará a história do sacerdote infernal Pinhead, sua gênese e a batalha final entre o bem e o mal. Outro lançamento aguardado, ainda para este ano, do autor é Midian Unmade: Tales of Nightbreed de Clive Barker, antologia de contos de autores renomados inspirados no seminal Cabal que deu origem ao filme Nightbreed, no Brasil conhecido como Raça da Noite.

Positive de David Wellington (21/04/2015)
   Positive está sendo anunciado como uma história de zumbis que seguirá os mesmos moldes de A Trilogia da Escuridão de Guilllermo del Toro e A Passagem de Justin Cronin com uma pegada Mad Max. Na história o vírus zumbi ataca de uma maneira completamente nova os humanos, aqueles que são infectados são marcados como positivos e a qualquer momento o vírus pode explodir em seus corpos transformando-os de seres racionais em bestas sanguinárias, a única chance de cura é sobreviver aos dois anos de incubação do vírus em uma instalação especialmente construída para isso. O protagonista da história está fazendo a viagem para lá quando seu comboio é atacado, ele consegue escapar, porém precisa chegar à instalação para ficar em segurança. Para isso terá que atravessar uma América destruída povoada por hordas zumbis e de loucos.

 The Silence de Tim Lebbon (14/04/2015)
  Das profundezas da Terra surgiram criaturas cegas sanguinárias que caçam através do som. Seres humanos não estão mais no topo da cadeia alimentar. Para sobreviver é preciso viver no mais absoluto silêncio, eles estão em todos os lugares e o menor sussurro basta para convocá-los a um banquete.

The City of Mirrors de Justin Cronin (08/10/2015)
The City Of Mirrors é a conclusão da fantástica Trilogia A Passagem de Justin Cronin. Ainda sem muitas informações definidas.  O último lançamento, Os Doze, ocorreu em 2012.

   No Brasil ainda não há grandes confirmações de lançamentos de horror para este ano, fora os livros de Stephen King é claro. A Editora Darkside possui o catálogo que mais promete e pode trazer grandes surpresas, como algo de Clive Barker por exemplo. Recentemente lançou Arquivos de Crystal Lake, sobre os bastidores dos filmes Sexta-Feira 13. A Editora Record está sempre prometendo Dark Matter de Peter Straub, desde a publicação de Um Lugar Especial, porém não sai do papel há anos, sem falar que ainda há esperanças da conclusão dos relançamentos de bolso do Ciclo do Inimigo de F. Paul Wilson. Provavelmente também teremos algum lançamento novo de Dean Koontz. Enquanto isso podemos nos contentar com o novo suspense médico de Robin Cook, Benefício na Morte. Outra grande promessa é The Girl on The Train de Paula Hawkins, suspense comparado a Garota Exemplar e Antes de Dormir que será lançado em Junho pela Record. Que outros lançamentos podemos esperar? Quais são suas expectativas e apostas para esse ano?

3 comentários :

  1. Pode contar com mais dois meus. Uma nova coletânea de contos e um romance. Sobre o formato, possivelmente ebook. Sua lista ficou incrível (pra variar), mas todas as minhas fichas vão para Scarlet Gospels do Clive. Lerei king, claro, mas reencontrar Pinhead está no topo da lista.

    ResponderExcluir
  2. Me interessei pela maioria Rafa. O livro de contos do King, os de Clive barker, a conclusão da trilogia de Justin Cronin, os de Nick Cutter, Positive e aida The Silence. Em relação aos lançamentos do King por aqui quero todos hahahha. Escuridão Total sem estrelas já pedi o meu na pré-venda.

    bomlivro1811.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Excelente cara, acabei de ler Escuridão Total sem Estrelas e tô arrepiado até agora, estou aguardando os do King, Clive Barker, já que faz tempo que não temos nada dele por aqui, e os restantes de Odd.

    ResponderExcluir