ÚLTIMAS NOTÍCIAS

27 de julho de 2015

Os Melhores Livros Nacionais de Terror e Suspense

    Uma das publicações mais pedidas no Biblioteca do Terror é a lista com meus livros nacionais de terror favoritos, finalmente isso se tornou realidade. Quando o blog ainda era apenas um feto deformado de uma mente cheia de ideias, eu acreditava conhecer o gênero terror o suficiente para escrever sobre ele, mas três anos em contato com esse "mundo" me mostraram a sua verdadeira profundidade, o que eu acreditava conhecer não passava apenas da superfície do gênero. No interior deste vasto oceano de publicações milhares de nomes nacionais nadam contra uma corrente preferencialmente estrangeira, a literatura brasileira é vista com desconfiança pelo leitor principalmente pela dificuldade que um autor tem de irromper a superfície e fazer-se conhecido. Há escritores sensacionais em nosso país, muitas vezes você pode estar diariamente cruzando na rua com um deles e não consciência disso. Uma das metas do blog é trazer esses nomes à luz, ou escuridão como preferir, dito isto confira a seguir as minhas leituras favoritas:


                                  Além da Carne de César Bravo
   César Bravo é dono de um estilo autêntico e reconhecidamente brasileiro, seus personagens são pessoas como eu e você que se defrontam com o sobrenatural na sua forma mais sanguinária e insana possível. Seu estilo narrativo mistura um texto visceral com pitadas de um humor sarcástico se alterando com passagens de suspense e extremo horror. Além da Carne é meu livro favorito de sua autoria pelas descrições detalhadas de cenas gore em que há mortes cinematográficas, desmembramentos horríveis e monstros assustadores. O melhor do livro é que não dá para fechar os olhos nas piores e mais traumatizantes partes.

  Tiago Toy é o típico caso de um fã que se torna escritor e traduz em palavras tudo aquilo que esperamos de um tema, que no caso é o apocalipse zumbi. Sua série Terra Morta transforma o Brasil no país dos mortos-vivos, com uma narrativa rápida e fluída mostra o cotidiano de um sobrevivente em um inferno, há momentos em que a tensão se torna insuportável e o leitor sente que a menor respiração poderá atrair a atenção dos zumbis e culminar na morte do protagonista. O melhor do livro são as cenas em que parece que a esperança está perdida e a morte é iminente, mas acontece algo que restaura a nossa fé na humanidade, a claustrofobia e o horror nesses momentos são orgásticos para um fã de horror. 

Encruzilhada de Lucio Manfredi
  Encruzilhada de Lucio Manfredi não é exatamente uma estória de horror, mas há momentos que sua narrativa flerta descaradamente com o gênero. O livro é pura ficção científica que faz o leitor questionar a própria realidade, nos mesmos moldes dos clássicos de Philip K. Dick, o protagonista é um matador profissional que ao buscar refúgio em uma casa abandonada se depara com acontecimentos misteriosos, o local que parece ser uma encruzilhada entre diferentes planos de realidade irá testar o limite de sua sanidade. O melhor do livro são os diálogos internos do protagonista em busca por respostas à sua condição. O final é absolutamente arrebatador!

  Duda Falcão mostra toda sua versatilidade em Mausoléu, uma coleção de contos que abrangem todos os aspectos da literatura de horror. Você quer ler sobre vampiros? Bruxas? Demônios? Lobisomens? Zumbis? Fantasmas? Alienígenas? Seres Inomináveis? Futuros Distópicos? Qualquer que seja sua escolha Mausoléu é indicado para você. O melhor do livro foi o modo como algumas histórias conseguiram me arrepiar ao desenterrar medos infantis que jaziam esquecidos. É uma leitura deliciosamente assustadora. 

   Jean Thallis é um autor que sabe como envolver o leitor com sua obra através de cenas viscerais e originais. Lapso Esquizofrênico é um mergulho nos pesadelos e delírios mais profundos de uma mente insana e doentia em sua busca da afirmação da realidade. O melhor do livro é a maneira como o texto consegue nos atingir ao provocar discussões sobre o que é realidade e o que é fruto da paranoia, um protagonista desequilibrado mas com uma simpatia que seduz o leitor e uma revelação brutal no final. Esses são os ingredientes de seu sucesso. Certifique-se de estar com o coração em dia antes de ler.

  Medo! Pavor! Horror! É o que Renato Siqueira e Luciano Milici entregam ao leitor em Diário de um Exorcista, livro baseado em fatos reais que narra a vida de um padre exorcista e sua luta contra o sobrenatural. É uma história que desafia crenças e um dos melhores "fertilizantes" mentais para a safra mais assustadora de pesadelos que você vai ter. O melhor do livro é a descrição vívida de rituais de exorcismo que não apenas me arrepiaram, mas pareceram transportar o ambiente claustrofóbico e demoníaco das páginas diretamente para o meu quarto. Livro altamente indicado para noites escuras e solitárias.  

   Alfer Medeiros é um dos principais nomes da literatura nacional e um dos primeiros escritores a apostar no potencial do blog anos atrás. Fúria Lupina é minha série nacional favorita por evocar um personagem que era presente na minha imaginação na infância, o lobisomem. A história insere os seres lupinos no ambiente brasileiro e os mescla com os mitos locais de cada região, a narrativa tem o ritmo de uma história em quadrinhos, fluída e visceral consegue arrancar bons arrepios, mas o triunfo está cenas de ação! O melhor do livro está nas descrições fantásticas da transformação do homem em lobo e na Green Death, uma organização ecoterrorista lupina que age mundialmente em prol da natureza. Há uma série de livros digitais gratuitos que trazem contos de outros autores no universo criado por Alfer Medeiros, meu destaque vai para a do "Homem-Cão".

  O estilo de Oscar Mendes Filho é bastante original, seus escritos tendem a verossimilhança, o tipo de história assombrada que você ouviria da boca de um amigo e que realmente poderia acontecer com você, como é o caso das obras Relatos Macabros e Sombras do Castelo, baseados em fatos reais. Waverly Hills é um sanatório abandonado nos Estados Unidos com fama de ser assombrado pelos espíritos de seus antigos moradores. O melhor do livro é o modo insano com que a narrativa é construída, através dos relatos perdidos de gravações em áudio dos protagonistas, extraindo o máximo de suspense de cenas em que é possível ouvir passos e escutar gritos ao fundo. Nem a morte livrará você de Waverly Hills.

   M. R. Terci é definitivamente uma pérola negra dentro da literatura nacional, dono de um estilo único e poético explora os limites fantásticos da língua portuguesa em histórias assustadoras, que mesclam a cultura brasileira com o clima gótico vitoriano. O Bairro da Cripta é sua criação mais maldita, uma chaga infernal aberta no interior do estado de São Paulo que solta um pus negro e pútrido formado por assombrações e horrores inomináveis. O melhor do livro está em sua narrativa exuberante e na maneira excepcional com que as descrições poéticas transformam objetos normais do cotidiano em fontes de verdadeiro horror. 

5 comentários :

  1. Destes eu li Fúria Lupina e Waverly Hills, e também os achei muito bons !

    bomlivro1811.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Rafa!!
    Dentre os listados só conheço 2, Além da Carne e Mausoléu. Mas pelo que li dos demais preciso conhecê-los também!!! Excelente lista!!
    Bjão!!

    ResponderExcluir
  3. É um privilégio ser citado pelo epicurista do horror, Rafa Filth Michalski e estar entre nomes e obras tão admiráveis, escritores tão versáteis e criativos que dignificam o gênero! Fraternal abraço a todos que penejam horror, suspense e mistério com a rubra tinta. Sucesso a todos. M.R.Terci
    http://www.bairrodacripta.com/

    ResponderExcluir
  4. Sinto-me honrado em ter obras minhas citadas entre os as melhores dentro do gênero horror/suspense nacionais.
    É gratificante quando nosso trabalho é devidamente reconhecido.

    ResponderExcluir
  5. Conheci a pouco este site e gostei muito dele. Vou procurar varios dos livros nele citados para poder ler. Aproveito para falar que adoro os livros do escritor André Vianco, do Rio Grande do Sul.
    Parabéns a ele.

    ResponderExcluir