ÚLTIMAS NOTÍCIAS

21 de março de 2013

Morre o escritor de ficção e terror James Herbert.


É com grande infelicidade com que venho anunciar a morte de um dos grandes autores de terror do século XX, James Herbert.  Ele morreu na manhã dessa quarta-feira (20/03/2013) em sua casa aos 69 anos, nas palavras de seu editor Pan Macmillan, pacificamente em sua cama.  É uma noticia triste que vem logo após, uma semana apenas, o lançamento de seu ultimo livro, Ash.
  O autor infelizmente não é muito conhecido pelos leitores brasileiros, acredito que apenas os mais experientes e aqueles que são fã de terror o conhecem, porém na sua terra natal, Inglaterra ele é um dos maiores nomes da ficção de horror com mais de 54 milhões de livros vendidos por todo o mundo.  Aqui no Brasil temos apenas três livros de sua autoria traduzidos: A Invasão dos Ratos, Luar e Visitantes da Noite.
 
 James Herbert nasceu em East End em Londres no dia 8 de Abril de 1943. Começou a escrever seu primeiro romance aos 28 anos, The Rats, A Invasão dos Ratos, um livro pequeno que demorou dez meses para ser concluído e foi publicado em 1974, após algumas editoras terem rejeitado o manuscrito, com uma tiragem inicial de 100.000 cópias que esgotaram em miseras três semanas. O livro narra uma invasão de ratos mutantes a cidade de Londres, carregado de criticas a sociedade da época o livro fez sucesso puramente pela simplicidade e beleza da escrita de James, que envolve o leitor do inicio ao fim.
   Ash seu ultimo livro traz uma nova aventura de um dos seus mais amados personagens, o detetive paranormal, David Ash. Na história um homem é encontrado crucificado dentro de uma sala trancada em um obscuro castelo, isolado no interior da Escócia. Ash vai investigar, porém nenhum morador local quer falar sobre a morte e acontecimentos estranhos acompanham a sua chegada ao local, estranhas aparições em janelas, sons de animais desconhecidos na floresta ao entorno... Enfim uma clássica história sobre fantasmas ingleses, um livro que eu gostaria muito de ver publicado por aqui...

Resenhas de James Herbert no blog: 


Um comentário :