ÚLTIMAS NOTÍCIAS

17 de agosto de 2012

Resenha: Hell House: A Casa Infernal - Richard Matheson




"A Casa Infernal é o romance sobre casas mal-assombradas mais aterrorizante que já foi escrito. Destaca-se entre outras histórias do gênero como uma montanha no meio de uma planície"       
                                                      Stephen King    

Sinopse:
Por mais de vinte anos a Mansão Belasco permaneceu vazia. Tida como o “Monte Everest” das casas mal-assombradas, essa construção de aspecto imponente e sinistro testemunhou cenas inconcebíveis de horror e depravação. No passado, duas expedições com o propósito de investigar os segredos que a casa encerrava terminaram em assassinato, suicídio e loucura para seus integrantes. Agora, uma nova investigação tem lugar, levando quatro estranhos ao local interditado, determinados a esquadrinhar a Mansão Belasco em busca de respostas definitivas sobre a vida após a morte. Cada um dos membros da nova equipe tem suas próprias razões para enfrentar os tormentos e tentações indescritíveis da mansão; mas, será que alguém consegue sobreviver ao mal que espreita na casa?


Opinião:
   Alguns leitores criticam ferozmente o cinema e suas adaptações, dizem ser más e infiéis ao enredo. eu por outro lado dou bastante crédito dependendo do filme, não foi diferente com Eu sou a Lenda de Richard Matheson, mudaram totalmente  a história porém eu gostei. Gostei por que o sucesso do filme abriu espaço para o relançamento de várias obras do autor assim como o lançamento de inéditas como A Casa Infernal.
   O livro é ótimo e prende o leitor, em meio a uma tsunami de livros ruins sobre casas assombradas, Hell House surgue para mostrar o que é qualidade e que sim, dá para pegar um tema aparentemente clichê e transformá-lo em algo novo e interessante. Matheson é genial e o seu diferencial no romance é que ninguém está ali para questionar fantasmas, o propósito é mais audacioso: Provar a existência da vida após a morte.
   Se utilizando de descrições de tirar o fôlego o autor consegue criar espaços assombrosos, a casa em si é assustadora e as manifestações causam arrepios. O íntimo e duvidas dos personagens são tecidos com maestria e é impossível não se colocar em seus lugares porém o que mais chama a atenção é o conflito de ideias entre o Dr. Barret que defende a teoria de que as manifestações não passam de fenomênos causados pelo corpo humano e Florence que afirma que há espíritos malignos na casa. Cada um com um argumento poderoso que deixa o leitor com duvidas...  Em quem você irá acreditar?       
              
Avaliação: ☠☠☠☠☠☠☠☠☠☠ (10/10 Caveiras)   

3 comentários :

  1. Adorei a resenha, fiquei ainda mais curiosa para ler o livro! Beijos...

    ResponderExcluir
  2. Um excelente livro sobre casa assombrada. O Belasco, que foi quem construiu a casa é um canalha sórdido que promovia verdadeiras orgias na casa. O Dr, Barret é contratado pelo atual proprietário da casa, um idoso que se encontra äs portas da morte, mas que quer que o cientista investigue se existe realmente vida após a morte. 4 pessoas vão à casa: o Dr. Barret, sua esposa, um homem que foi o único que escapou da casa com vida e com a mente sã e a quarta é uma medium que tem opinião completamente oposta ao do doutor. Um livro que realmente vale a pena ler. Nota dez caveiras.

    ResponderExcluir
  3. Acabei de ler esse livro hoje. No começo achei ele meio clichê, talvez por sua semelhança de enredo com o roteiro do filme Rose Red: A casa adormecida, do Stephen King, mas a narrativa de Matheson aos poucos cria sua própria identidade. Os quatro personagens humanos nos despertam alternadamente emoções de empatia e antipatia. Já o personagem principal - A Casa Belasco, merece seu posto entre as maiores estrelas da ficção de terror.

    ResponderExcluir